Governo aprovou o saque do FGTS de contas inativas

O FGTS é uma obrigação de depósito por parte do Empregador em uma conta na Caixa Econômica Federal que dá garantia financeira ao trabalhador em caso de demissão sem justa causa para saque imediato a dispensa.

Em casos de pedido de demissão por parte do Trabalhador esse valor fica retido e somente pode ser sacado em algumas hipóteses como por exemplo: após três anos sem emprego com registro em carteira de trabalho, o trabalhador na data de seu aniversário efetua esse saque.

Cronograma para saque do FGTS de contas inativas – clique aqui.

Visando o aquecimento da Economia mediante a crise financeira o Governo irá autoriza o saque do FGTS em contas inativas, ou seja, nas contas em que não há depósitos mensais. A intenção é que os trabalhadores possam usar esse valor para quitação de dívidas.

Evitando tumultos nas agências da Caixa será divulgando uma programação de pagamento para os trabalhadores com contas inativas com saques limitados a R$ 1.000,00 para contas com saldo de até R$ 8.800,00.

Nota atualizada: O Governo optou em retirar o limite para saque.

Governo aprovou o saque do FGTS de contas inativas
5 (100%) 1 vote

Deixe um comentário